Adega para vinhos em casa: siga as recomendações das arquitetas Paula Passos e Danielle Dantas

Disposição das garrafas, iluminação, temperatura. As sócias do escritório Dantas & Passos Arquitetura revelam os caminhos para armazenar as garrafas corretamente



Contíguo à ala social do apartamento, a área dos vinhos é o xodó dos moradores. Para receber os rótulos, as arquitetas espelharam duas caves: um para vinhos tintos e outra para os brancos. Um painel ajuda a receber mais exemplares, já a marcenaria traz nichos dedicados às taças e uma divisória de aço corten delimita o espaço | Fotos: Maura Mello

Seja no frio ou no calor, ter uma adega em casa virou sonho de consumo de muitas pessoas, especialmente quando o isolamento social se faz necessário. Tudo começa pela escolha do local, seguido pelos cuidados com a armazenagem correta das garrafas. Expor os melhores rótulos e deixar os acessórios sempre à mão são outros itens que pedem atenção e estão na lista de recomendações preparada pelas arquitetas Paula Passos e Danielle Dantas, sócias do escritório da Dantas & Passos